Homilia do 2º Domingo da Quaresma com o Pe. Edinilson Santos, SAC (Missionário Palotino).

Caríssimos irmãos e irmãs mais uma vez nos encontramos para nossa reflexão sobre esse tempo Quaresmal e desse modo prosseguimos nosso retiro com a Igreja na Igreja e nos passos de Cristo.
Desejo a todos a paz e a verdadeira felicidade que brota da intimidade com o divino, fazendo uma recapitulação de nossa caminhada lembremos que pela humildade da Quarta-feira de Cinzas assinamos nosso atestado de pecadores, nos vestimos da piedade para ter em Deus a misericórdia necessária.
No 1º Domingo da Quaresma fizemos o propósito de com Cristo vencer as tentações dessa sociedade corrupta e desumana que só pensa em ter poder e prazer e nos faz esquecer-se de ser, ser mais Cristo e ser mais irmãos.

Hoje a liturgia desse 2º Domingo do tempo da Quaresma nos leva ao nosso passado, nos faz olhar o exemplo de fé de nosso pai Abrão que pela fé se tornou Abraão e desse modo pais de muitos filhos, cujo nós somos os herdeiros, administrador de nova terra e homem abençoado. A palavra de Deus nos diz que Abraão acreditou, ele ofereceu sacrifícios vivos, essa palavra é realizada na vida de Abraão 25 anos depois da promessa feita pelo Senhor, parecia que Deus lhe tinha esquecido mas como diz o ditado popular Deus tarda mas não falha.

Eu Padre Edinilson prefiro acreditar que ele só chega na hora certa e nossa capacidade de querelo e nossa necessidade real, assim nos afirma Dom Henrique Soares, Abraão nossa pai esperou, creu, combateu, vigiou e a escuridão se fez luz, eu vou além e digo que nessa luz, Deus faz com ele uma nova aliança, aliança de amor, cria um contrato de intimidade e deixa Abraão caminhar com ele.

Quaresma é tempo de esperar em Deus ter paciência conosco e suportar os irmãos, Quaresma é tempo de renovar a aliança com que nos é sagrado, com Deus da vida, o evangelho desta segunda reflexão quaresmal nos mostra um contexto de fé nos diz que Jesus sobe a montanha para orar e não vai sozinho, lá nessa montanha algo grandioso acontece, nuvens vem a terra, Moisés e Elias são vistos, uma voz aprova que Jesus é o filho amado do Pai, os amigos de Jesus estão dispersos, dormindo um deles Pedro acorda atordoado falando em construção de tentas os outros dois escolhem se calarem e por fim tudo volta ao normal e o silêncio de faz presente.

O que é bonito ver neste evangelho é que Jesus orava, isso quer dizer ele era íntimo do Pai, levar Pedro, Tiago e João com ele para orar é também para nos ensinar que a fé nos coloca em intimidade com Deus e a fé nos faz ver e viver coisas grandiosas como a transfiguração, a transfiguração do Senhor a transfiguração de nossas vidas, nos faz reconhecer Jesus como nossa verdadeira luz, luz que ilumina as trevas de nossa existência, existência essa que nos afoga muitas vezes por estarmos dispersos, dormindo fora da intimidade com o Senhor, vivemos em um mundo que nos atordoa a todo tempo pela violência, pela falta de amor, pela falta de perdão de humildade de humanidade que nos faz embalar numa sociedade de fuxicos, achismos de ciúmes e invejas que não nos deixa ver a luz e escultar a voz de Deus que ressoa em nossos corações esse é meu filho amado escutai.

É preciso escultar o profeta Jesus, é preciso superar a lei corrupta da modernidade, fé para está em intimidade com Cristo, permitamos que o Senhor transfigure a nossa existência. A segunda leitura nos pede apenas duas coisas: A primeira que sejamos imitadores de Cristo e não inimigo da cruz e a segunda é para que permaneçamos firmes no Senhor.

Vamos ser Católicos que defende a nossa fé, vamos ser cristãos que se compadece dos outros, vamos ser verdadeiros seguidores de Jesus Cristo, não só indo as missas e rituais mais também no nosso dia a dia refletindo com a Palavra e com a atitude a palavra que ouvimos e a Eucaristia que comungamos o Deus que acreditamos, sejamos autênticos em nossa fé, pois gente fingida o mundo já tem para fazer este papel que é obra do diabo, hoje mais que ontem precisamos está em Cristo.

Deus te abençoe e um feliz 2º Domingo da Quaresma.

Pe Edinilson Santos, SAC
(Missionário Palotino)
COMPARTILHAR:

+1

0 Response to "Homilia do 2º Domingo da Quaresma com o Pe. Edinilson Santos, SAC (Missionário Palotino)."

Postar um comentário

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial
PORTAL IGREJA NA MÍDIA - COMUNICAÇÃO À SERVIÇO DA IGREJA.. Tecnologia do Blogger.